## Última Hora ##
Um momento...
,

Covid esclarece alguns princípios fundamentais das 5 leis biológicas

 O debate sobre os “infectados assintomáticos” da Covid19 está levantando uma questão muito importante e, talvez, venha a facilitar a mudança do paradigma biomédico em direção ao modelo das 5 Leis Biológicas. E Por que estou dizendo isso?

UMA PANDEMIA DE TESTES

A partir do verão de 2020 (na Itália, inverno no Brasil), estamos testemunhando um debate público entre:

- Os que afirmam contar entre os "doentes", são os que apresentam resultados positivos em alguns testes, como o chamado swab, apesar de estarem em perfeitas condições de saúde e assintomáticos;

- e aqueles que consideramos "doentes", que estão realmente doentes, independentemente do resultado de um teste.

O Covid-19, em sua essência, é uma pandemia de teste, porque nenhuma outra gripe, ou assim chamada doença, foi mantida sob observação em indivíduos saudáveis ​​dessa forma obsessiva.

Por ser uma pandemia fundamentada em dados instrumentais e não em fatos clínicos, também está muito e de forma desproporcional exposta a excessos ligados, por definição, aos instrumentos técnicos utilizados. A questão traz à tona uma contradição estrutural na medicina atual: a pressa em "tecnificar" e "financeirizar" a saúde vem acompanhada de um sobre-diagnóstico, produzindo em série um exército artificial de doentes.

Isso tem produzido historicamente uma epidemia de hipertensos, cardiopatas, diabéticos e todos aqueles rótulos diagnósticos que dependem de investigações instrumentais para classificá-los.

Esse fato é reconhecido e é uma contradição interna ao sistema farmacêutico e de saúde.

O PARADOXO SURREAL DOS "DOENTES ASSINTOMÁTICOS"

Hoje com a Covid este fenômeno atingiu o paroxismo: estamos todos doentes até que se prove o contrário, isto é, "assintomáticos".

Nesse contexto surreal, as pessoas estão começando a se fazer perguntas que nunca se fizeram antes.
Se um "doente" de coronavírus (também conhecido como "a pior doença do século") na maioria dos casos está bem, o que realmente significa "estar doente"?
 
Positivo, infectado e doente são a mesma coisa, ou não?

Neste caso, "doente" na consciência popular precisa voltar a adquirir seu significado original. Isto é, de uma pessoa doente por sintomas que limitam sua vida, e não de uma pessoa a quem uma máquina arbitrariamente atribuiu um rótulo de perversão técnica, mas que para seu real bem-estar pode ser completamente indiferente.

UM MOMENTO HISTÓRICO SIGNIFICATIVO PARA AS 5 LEIS BIOLÓGICAS

Portanto, este momento histórico é muito interessante, porque a aceleração das contradições do sistema atual está levando a uma desintegração igualmente rápida de velhas categorias de pensamento. E o surgimento de uma consciência que, penso eu, pode nos levar mais rapidamente a um mundo de 5LB.

Em primeiro lugar pelo seguinte fato: qual a primeira regra necessária para aplicar o conhecimento das 5 Leis Biológicas?

> Observar nada além dos sintomas específicos de um organismo. Nunca pare no nome de um possível diagnóstico, mas sempre o desmonte em sintomas concretos e efetivos.

Só assim é possível entender qual tecido está envolvido no processo, reconhecer sua função a partir de sua origem embrionária e, portanto, traçar a experiência emocional (biológica) que deu início ao processo.

Se você não sabe do que estou falando, leia o artigo sobre "Método para verificar as 5 Leis Biológicas".

Portanto, esse acirrado debate sobre o assintomático está levando as pessoas a diferenciar o que é apenas um rótulo diagnóstico, dado por uma investigação instrumental, de sintomas concretos.

Até ontem, todos aqueles com diagnóstico positivo para qualquer coisa, mesmo na total ausência de sintomas (desde esclerose múltipla, a hepatite, doença celíaca e assim por diante) sem dúvida se consideravam e se sentiam mal. Ainda esta manhã eu estava no correio para enviar um pacote, e a senhora do balcão ao lado do meu disse:

"Eu tenho Parkinson, tenho que ter cuidado para assinar."
"Não se preocupe senhora, lentamente, pouco a pouco, tudo será feito."
"Não, mas não é que eu tenha dificuldade. Acho que se eles não tivessem me contado eu nunca teria notado nada."


Este é o nosso hoje: um exército de doentes, perfeitamente saudáveis, porque disseram que sim. Não tenho dúvidas de que, se você pensar sobre isso, você vai conhecer muitos deles de perto.

Hoje, essa violação assintomática da Covid pode trazer uma bela transformação mental em muitas pessoas. Em outros, ao contrário, sairão dessa história ainda mais preocupados e desejarão se submeter a exames de todos os tipos e cada vez mais frequentes.

No entanto, essa brecha agora está aberta e a consciência coletiva já está mudando.

A CONTRADIÇÃO DA OBSESSÃO PELA COVID

Sobre a aplicação das 5LBs neste momento histórico: você sabe o que há de mais tragicômico na Covid-19?

É que os muitos que se pegam no velho paradigma - são, inclusive, as pessoas mais assustadas. Em pânico, por serem mais fiéis à narrativa da doença maligna, e que estão se deixando abater neste psíquico moedor de carne - são também aquelas que, mais do que qualquer outra, estão tendo grandes sintomas "gripais".

Nesse período, muitas vezes, ficam doentes e, consequentemente, cada vez mais assustados, em um círculo vicioso. Alguns podem pensar que "já tiveram", que desenvolveram anticorpos e, portanto, sentem-se seguros ... talvez seguros, certamente com muitas dúvidas ...

E, provavelmente, eles terão recaídas pelos próximos meses pelo menos.

Porque, gostemos ou não, é exatamente assim que funciona o corpo humano e aquele binômio indissolúvel mente-corpo.




Equipe de tradução e direção

5 Leis Biológicas Brasil

Siga o 5LB Magazine